08/02/2012

Consciente ilusão


Eu não acreditei em suas promessas
Nem fui forte pra dizer adeus
Vivi essa ilusão.

 Ilusão é como um castelo de areia
Que vai desmoronando com tempo
E o que ficou foi apenas o seu doce sabor
Por fim o hoje será apenas lembranças
Descritos em meus versos.

(Rosi Alves)

Um comentário:

Bento Sales disse...

Olá, amiga Rosi!
Quando a ilusão é consciente a realidade começar a surgir, mas se ainda há amor, a ilusão não se acaba.
Poema muito valoroso.

Abraços do amigo de sempre!