“Por que quando morre a paixão, renasce mais forte em forma de amor”.

janeiro 12, 2012



Não sei se devo dizer: que te amo. Te amo mais, bem mais que antes, é o que sinto. O amor tem o hábito de me surpreender, quanto mais eu desejo te esquecer, o amor com uma simplicidade quase que imperceptível habita em mim e faz uma bagunça na minha vida, desmoronando o meu coração.

Nesse desejo de te esquecer não reconheço mais as horas...Me vem ás lembranças e o tempo para em seu olhar, é tão bonito e gostoso te amar. Quando amo sou intensa mesmo sabendo que é um precipício amar loucamente. Em minhas lembranças tento acariciar a saudade de ter você. Sinto sua respiração latejando em meu corpo, certa de sofrer vou ao seu encontro e te devoro. Revelo o mais íntimo de mim, muito mais que meu corpo, muito além das nossas noites quentes de amor. Revelo-te minha alma, sem medidas, esvazio-me de preceitos, ficando a sua mercê.

Falar do meu amor é difícil pois apenas meu toque pode revelar a intensidade de te querer de novo. Por que o amor é indecifrável. O amor é Inexplicável, não é um sentimento, o amor é um milagre. O amor é uma promessa diante do tempo. que vai além da morte. Além da morte esse amor estará intocável e enquanto isso vou alimentando minha vida com lembranças tuas. Um dia foi paixão e hoje é saudades!

“Por que quando morre a paixão, renasce mais forte em forma de amor”.

(Rosi Alves)

You Might Also Like

6 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images