Amar você...

janeiro 01, 2012






Tem dias que me pergunto se
as coisas precisam
Ser desta forma? Por quê?
Por que a gente complica tanto
O sentido real da palavra viver?
Descobri que a maior parte
De mim é feita de você...
Finge! Por que!
Sua alma não vê!
O meu amor
Preferindo amar quem lhe faz sofrer
Não lhe dei nada além de carinho
Sem promessa
tornei-me seu hábito
Naquela poeira irrequieta da dor
Que nem o vento consegue alcançar...
Seus prazeres
Os realizaria, seu beijo seria
A vida, seu sorriso, o encontro da paz.
E quando tudo terminasse,
Seus olhos seriam meu céu...
Então não complica, me deixe te amar...
É só o que desejo:
Amar você...

Dolce Bárbara e Rosi Alves

You Might Also Like

2 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images