26/11/2011

Visto-me de poesia



Visto-me de poesia
Para falar de amor
Para enfeitar a dor
Da sua ausência
A poesia revela
Sonhos, fantasias
Realidade e magia
Em versos e rimas
Poesia que registra
Em forma de emoção
Sentimentos eternizados
No fundo do coração
(Rosi Alves)

Nenhum comentário:

Não força!

Tudo que é forçado é chato, é inconveniente. Ou ele (a) te ama ou não, a vida é assim apesar de a gente querer se apegar ao meio termo, no...